Feeds:
Artigos
Comentários

Archive for the ‘Carnes’ Category

 

Ingredientes

6 medalhões de filé mignon (alt. 3 a 4 cm)

1 colher de manteiga com sal

1 colher de azeite

1 kg de batatas médias

Pimenta branca

1/2 xícara de molho de soja (shoyu)

300 g de creme de leite fresco (tipo nata)

Salsinha picada a gosto.

Coloque as batatas com casca para cozinhar (podem ser servidas com casca ou sem casca, você decide) na pressão ou não, mas não deixe cozinhar demais. Enquanto isso proepare os filés.

Numa frigideira, preferencialmente antiaderente, derreta a manteiga com o azeite. Com a ajuda de um pegador, sele rapidamente as laterais dos medalhões e acomode para fritar um dos lados, depois o outro lado. O ponto é você quem decide, mas evite ficar virando e secando demais a carne, passe as laterais, um lado e depois o outro e pronto. Selar as laterais ajuda a não perder suco e secar demais. Coloque 2 medalhões de cada vez para fritar com fogo alto, pois o fogo baixo vai cozinhar a carne e também faz perder suco deixando-a dura.

Conforme for fritando vá reservando num outro recipiente e assim que terminar todos e retirar, você vai perceber que ainda sobra gordura na frigideira. Então, coloque o molho de soja para deglaçar, com cuidado para não espirrar e você se queimar. Deglaçar nada mais é do que utilizar algum líquido para retirar aquela “sujeirinha” deliciosa que fica no fundo da frigideira, pode ser vinho, água ou shoyu como nessa receita.

Deixe ferver em fogo médio por 5 a 7 minutos para reduzir um pouco, ficando de olho para não queimar. Por último, acrescente o creme fresco e misture até incorporar bem. Prove e acerte o sal , se necessário, é provável que não precise, pois o molho de soja já é bem salgado. Devolva os filés na frigideira e deixe até ver que está aquecido. Sirva imediatamente com as batatas cozidas colocando um pouco de molho sobre elas, pois vai servir de tempero, se for necessário reaqueça as batatas antes de servir. Salpique a salsa picada por cima e bom apetite! Você vai ver que ninguém diz que foi feito com shoyu! Foi por isso que dei esse nome pra receita.

Anúncios

Read Full Post »

 

Ingredientes

500 g de carne magra de boi moída

500 g de lombo suíno moído

1 envelope de creme de cebola (sopa)

1 colher de chá de ervas de provance (ou ervas finas se preferir)

1/2 colher (café) de páprica picante

40 ml de vinho tinto seco

2 latas de tomates pelados

Farinha de trigo

Azeite

Sal

 

Numa tigela funda, coloque as carnes moídas, o creme de cebola, as ervas e a páprica picante. Misture tudo com uma colher ou com as mãos, até que fique bem homogêneo. Faça bolinhas pequenas e vá reservando em outro recipiente, não faça bolinhas grandes e tente enrolar de forma que fiquem mais ou menos do mesmo tamanho para ficar bonito, use uma colher de sobremesa como de medida se necessário. Depois de todas as polpetines prontas, vá passando na farinha e reservando numa assadeira para ir caindo o excesso da farinha.

Numa panela de fundo largo (aprox. 30 cm de diâmetro), coloque somente o suficiente para refogar as polpetines, elas não devem ficar imersas no azeite, será um desperdício, pois você terá que descartá-lo depois. É melhor ir acrescentando aos poucos se necessário.

Frite as polpetines dos dois lados somente para dourar em fogo médio, elas não devem ficar cascudas. Vá retirando e reservando enquanto frita as demais. Se sua panela for do tamanho da minha (30 cm) vai fritar em duas vezes. Assim que estivem todas fritas, retire o excesso de óleo, se for o caso, e devolva todas as polpetines na panela e aumente o fogo para aquecer. Acrescente o vinho ainda com o fogo alto para evaporar o álcool. Deixe por 1 minuto e acrescente os tomates pelados grosseiramente picados com o caldo e uma medida da lata de água. Misture bem e deixe cozinhar em fogo médio por 15 minutos. Acerte o sal do molho e está pronto.

Você pode comer do jeito que quiser, mas acompanhado de uma massa é a melhor forma, na minha opinião. Dessa vez fiz com nhoque de batata, mas com espaguete fica ótimo. Prefira massas longas como o espaguete, talharim, linguine ou papardelle.

Para ficar ainda mais gostoso, retire as polpetines da panela e um pouco do molho (1/3) e reserve tampado para não esfriar. Então, coloque a massa já cozida nesta panela com molho restante e deixe ferver por 1 minuto para o molho incorporar melhor (veja dica do cozimento da massa). Coloque a massa numa travessa e as polpetines com molho por cima para ficar bem bonito e apetitoso. Decore com alguma erva verdinha como salsa, tomilho ou manjericão.

Salivou? Então experimente! Dá um pouquinho de trabalho fazer as bolinhas, mas é uma receita ótima para fazer a dois.

Dica: abrir uma garrafa de vinho tinto só para fazer uma receita parece abuso, certo? Então, quando você servir um vinho para um convidado e sobrar um pouquinho na garrafa, não o jogue fora. Mantenha na geladeira. Talvez ele não fique uma delícia para beber, mas para cozinhar ele serve muito bem. Não compre vinhos de baixa qualidade para deixar só para cozinhar, pode comprometer a receita.

Read Full Post »