Feeds:
Artigos
Comentários

Posts Tagged ‘caldo de legumes para ristoto’

Ingredientes

1 talo de alho poró

1 talo de salsão

1 cebola  grande

1 cenoura grande

1 ou dentes de alho (se não for congelar)

Ervas aromáticas: 2 galhinhos de tomilho, 3 folhas de manjericão, 3 galhos de salsinha, 3 folhas de sálvia, 1 folha de louro e 4 talos de cebolinha.

4  litros de água

Não se assuste! O texto é grande, mas a receita é fácil! É só pra não ficar dúvidas.

Lave bem as ervas aromáticas, junte todas, amarre com uma linha formando um buquê e reserve.  Importante: Se você não encontrar alguma das ervas não há problema, 1 folha de louro a menos no seu caldo não vai comprometer o resultado final. Por outro lado, tome o cuidado de não se empolgar demais com as ervas, pois nenhum sabor deve sobressair no caldo, ficar com muito gosto de manjericão ou de tomilho, por exemplo, aí sim pode comprometer o sabor do seu risoto.

Retire a ponta da raiz do alho poró e a parte mais verde e corte em quatro partes. Faça o mesmo com o salsão, não vamos utilizar as folhas para o sabor não sobressair demais. Descasque o alho e a cebola, cortando a cebola em quatro partes. Lave bem a cenoura e corte também em quatro partes, não é necessário retirar a casca, que contém vitaminas. Coloque tudo numa panela funda e grande com a água e o sachê de ervas e deixe cozinhar, sem tampa, em fogo baixo por 1 hora e 30 minutos, não é para borbulhar, somente cozinhar lentamente.

Depois de cozido, deixe esfriar um pouco para não se queimar e passe por uma peneira. Guarde o caldo na geladeira se não for utilizar logo ou congele para utilizar em outra oportunidade, lembrando que para fazer risotos, o caldo deve sempre estar quente. Os legumes não precisam ser descartados, você pode bater no liquidificador e utilizar em sopas, molhos ou da forma que desejar. O caldo rende de 1,5 a 2 litros depois de pronto e é suficiente para fazer risoto para 4 pessoas.

Embora seja mais fácil e rápido utilizar o caldo industrializado, se você experimentar fazer o caldo você mesmo, vai ver que faz toda a diferença, além de ser muito mais saudável. Não deixe de fazer um risoto por causa do caldo, mas se for usar o industrializado, prefira os caldos em pó (sachê), pois os de tablete são mais gordurosos. Sempre que resolvo fazer risoto de última hora e não tenho meu próprio caldo, acabo usando o caldo em pó mesmo e até que fica bom, por isso, se você gosta fazer risotos, é bem legal sempre ter um caldo congelado.

Veja suas receitas preferidas e congele o caldo na proporção ideal. No último curso que fiz, o chef me ensinou a congelar em forminhas de gelo e depois colocar em saquinhos plásticos. Fica bem prático para usar um ou dois cubinhos em várias receitas, pois o caldo não serve só para risotos, ele pode ajudar a dar sabor em vários outros pratos.

Dica: os grandes chefs chamam o caldo de “fundo”, portanto, se em alguma das suas receitas você encontrar esse nome, você já sabe do que se trata.

(foto: eugourmet)

Anúncios

Read Full Post »